RSS
 

Posts Tagged ‘Google’

Google vai as compras de novo

20 Mai

A fonte é o The Verge, depois das milionárias compras do YouTube e Motorola Mobile,Twitch a próxima poderá ser o gerador de streaming de vídeo Twitch, as cifras giram em torno de 1 bilhão de dólares, mas parece que o assunto ainda está sendo analisado.

 

O valor da oferta (que seria de 730 milhões de dólares, está na revista online da “Variety” apesar da gigante de busca já ter o serviço de vídeo YouTube, adquirido em 2006 por 1.6 bilhões de dólares, que é claro, será o serviço diretamente beneficiado ampliando a vantagem no mercado de vídeos.

 

O Twitch aoareceu em Junho de 2011, feito por Justin Kan e Emmett Shear, o atual  presidente executivo da “start-up”, que levantou 35 mil milhões de dólares na época. 

 

Entretanto um dos o negócio pode ser melado pelo departamento de Justiça norte-americano, já que a medida a aquisição do Twitch pode representar uma prática anti-concorrencia, e existem leis de proteção do mercado nos EUA.

.

O YouTube já é o maior “site” de compartilhamento de vídeos na internet, com mil milhões de utilizadores em todo o mundo, mas o Twitch vinha crescendo assim como o Vimeo, o principal concorrente do YouTube.

 

Mais mil locais para ver no Street View

14 Jun

A Google anunciou nesta quinta-feira mais de mil locais para você visitar atravésBasilicaAparecida do Street View, eles incluem imagens do Santuário de Aparecida, cidade próxima a São Paulo, e o estádio da Vila Belmiro, estádio do Santos Futebol Clube, conforme o site Engadget.

Outros locais na América Latina incluem o Bosque de Chapultepec, na cidade do México, o famoso Valle Nevado, estações de esqui muito conhecidas do Chile, e muitos outros, como o museu Mark Twain em Hartford, Connecticut, EUA.

Na Europa novos destinos incluem a famosa Catedral de Sevilha, ou explorar a histórica Vermont State House onde por 150 anos legisladores se reuniam durante o inverno em Montpellier, França para debater as leis de Vermont, como eram conhecidas.

http://www.engadget.com/2013/06/13/google-street-view-new-destinations/

 

Google compra o Waze

13 Jun

WazeGoogleMesmo com extraordinários aplicativos Maps e Earth cada vez mais integrados e precisos, a Google concretizou nesta terça-feira (11 06) a compra do Waze, talvez um dos motivo seja a característica colaborativa (o usuário pode alimentar dado de situações de transito, por exemplo) e a enorme característica social do app israelense (donos da Waze).

Com o aplicativo o usuário pode redirecionar o seu trajeto, a partir das rotas que os usuários sugerem tomar para destinos frequentes, além de encontrar o posto de gasolina mais barato ao longo do caminho, saber de bloqueios ou acidentes.

Pode relatar informações até mesmo via comando de voz hands-free, que são ativados acenando a mão na frente da tela do smartphone (ou iniciar sensor de proximidade do smarphone).

Os usuários ganham pontos sempre que contribuírem com informações sobre estrada, e vão acumulando pontos, alterando a sua classificação no Waze.

Como os pontos são designados de usuários começando com “Waze Baby” e indo até “Waze Royalty”, um usuário com muitos pontos.

O Waze tem 28 milhões de usuários e segundo o site Blomberg a compra foi de U$ 1.1 milhões.

 

Livro de diretores do Google e Assange

20 Abr

O livro Eric Schmidt e Jared Cohen, lançam na próxima terça-feira que vem o livro “The New Digital Age” (A nova era digital), que tem a descrição de uma conversa de Schmidt com Julian Assange, quando estava preso em 2011 na embaixada equatoriana, na Inglaterra.

O co-autor do livro, o d iretor do Google ideias: Jared Cohen, também esteve presente durante a discussão, de acordo com a transcrição, que terá 5 páginas e cujas conversas foram conferidas por Julian Assange, mas ele próprio já divulgou tudo no site do Wikileaks.

Disse que “quer apenas menos atos injustos”, e perguntado sobre seus axiomas filosóficos afirmou: “E eu digo que eu não preciso considerá-los. Isto simplesmente é o meu temperamento”, algo bastante interessante para a crise da pós-modernidade.

Afirma também Assange que quer “entrar em novas discussões inúteis sobre o porquê de alguem querer fazer algo”, e que de certa forma é cético, pois acredita que “atos injustostem uma causa e que se tende a promovê-los e quem promove apenas agem com seres humanos basicamente invariantes”, mas sua divulgação é por que “porque quando uma pessoa transmite a informação para outra que pode transmitir para outra e outra, assim por diante, de forma que não-linear e assim você pode afetar um grande número de pessoas com uma pequena quantidade de informações” então este é o efeito que espera de suas denúncias.

Assim espera um efeito “você pode mudar o comportamento de muitas pessoas com uma pequena quantidade de informação”, mas reconhece que as pessoas que trabalham e tratam as informações são “editores e jornalistas”, mas que ele pensa num sistema “total”.

Afirmou que “ isso seria uma construção de alto nível”, mas seria necessário projetar um istema que resolvesse isto , a informação em alto nível, e afirma: “não só um sistema de técnica, mas um sistema total”.

E conclue: “então WikiLeaks foi e é apenas uma tentativa – embora ainda muito jovem – de um sistema total”.

Creio que será difícil o livro da “Google” dizer alguma coisa mais importante, mas vamos esperar o livro, semana que vem nas bancas, digo nas redes.

 

Novo notebook da Samsung e Google

23 Out

Lançado quinta-feira passado numa parceria Samsung com a Google, é provável que uma das expectativas é ofuscar o lançamento do Surface, o tablet da Microsoft, e o novo gadget da Apple: o mini-iPad.

Dizendo que é um “computador pra todo mundo”, ao preço de U$ 250, o que deve ficar com impostos e tudo mais em torno de R$ 800 no mercado nacional, é uma aposta da Google.

O modelo, um dos mais leves, 1,13 kg com espessura de 0,8 polegadas, duas portas USB (2.0 e 3.0), processador da Samsung Exynos 5 Dual (1,7 GHz dual core), com armazenamento de 100 GB no Google Drive, com 6 horas de bateria, Bluetooth 3.0 e entrada HDMI.

A tela tem 11,6 polegadas com resolução de 1.366×768 pixels, além do que pede a reprodução de vídeos em Full HD (1080p).

Não há previsão da venda do modelo no Brasil, mas quando chegar é forte concorrente, mas rumores indicam que a disputa de mercado esquenta até o Natal, quando a gigante de busca estaria planejando um tablete de U$ 99 (em torno de 200 reais, mais impostos claro), conforme o site Business Insider.

 

Google Sea View

28 Set

Uma versão subaquática do Google View já está em demonstração, o projeto foi uma parceria da uma do Google, o Laboratório de Ecossistemas Aquáticos da Universidade de Queensland e uma empresa multinacional de seguros Catlin Group.

Entre outras utilidades, o projeto que é chamado Catlin Seaview Survey, tem o objetivo saber sobre o estado dos recifes a partir desta pesquisa panorâmica, documento o fundo do mar em fotos e vídeos, uma das fontes é uma reportagem na New Scientist.

Uma curiosidade, foi um membro da Comunidade Google Earth, intitulado de Bzoltan da Hungria, ele postou uma animação no tempo simulando a subida do mar de 1 a 100 metros, o quanto isto afetaria cidades como Nova York, Sydney, Tokyo e Hong Kong entre outras, basta clickar no botão play e controlar o regulador de tempo.

Apesar de inúmeras críticas, de ter um dos seus membros preso no Brasil em virtude de postar vídeo das eleições (as barbaridades da TV mal são controladas), a empresa presta um importante serviço, claro que ainda serão necessárias muitas mudanças e melhoras, por exemplo, em seus mecanismos de buscas, mas o serviço prestado ao saber é grande.

A noosfera progride, todo futuro é melhor que o passado de pouca difusão do conhecimento e de obscuridade.

 

Novo veículo autonomo do Google

05 Jul

Há mais de dois anos veículos autônomos de mapeamento e filmagem de ruas começaram a ser testado no Laboratório de Inteligência Artificial de Stanford, sob a supervisão do Dr. Sebatian Thrun, eram usados veículos Toyota modelos Prius híbrido e depois um Audi TT.

Agora o modelo visto pelas ruas da Califórnia é o lexus G Big RX40h, que além de aerodinâmica nova parece dispor também de sensores novos além das câmeras para as filmagens.

Segundo reportagem da revista Wired, um porta voz da Google, afirmou: “No decorrer de nosso trabalho, com experiência testando os nossos algoritmos em vários veículos para ajudar a melhorar nossa tecnologia”, que também confirmou que o Lexus faz parte da nova frota do Google.

O Lexus RX40h tem de fábrica um controle de Inteligência Artificial chamado AI-SHIFT control (Artificial Intelligence – SHIFT), que calcula em tempo real as condições da estrada e as intenções do condutor, mas no caso do Google operado por controle remoto sem condutor.

Mas o aspecto legal, por exemplo, em caso de acidente quem será o responsável, parece também estar em teste, já que o Senado americano, o chamado SB 1298, que rege sobre as leis para a Patrulha Rodoviária americana, aprovou apenas os testes para definir normas de segurança e requisitos de desempenho para os referidos carros operarem e nos filmarem.

 

Uniao Europeia acusa Google

23 Mai

Enquanto as ações do Facebook ficam numa montanha russa, sobe e desce, também nas ações europeias (FB), o Google (GOOG) é acusado de truste pela UE (União Europeia), segundo o site para acionistas europeus Seeking Alpha.

Para autoridades da UE afirma que o Google terá “uma questão de semanas” para chegar a uma solução sobre alegações de que o gigante das buscas tem discriminado e deturpado alguns seus rivais na comunidade europeia.

O Sr. Joaquin almunia, uma autoridade antitruste da UE, pediu que o presidente do Google, Eric Schmidt que crie uma resolução que permite ao gigante de buscas sua coexistências com as concorrentes europeias.

Os reguladores da UE tem colocando pressão também em empresas como a Apple (AAPL ) e a International Business Machines ( IBM ) desde meados de 2011, quando foi observado que eles feriam a progressão de várias empresas da UE que se dedicam a tipos semelhantes de negócios

As autoridades da UE mesmo que são reguladoras de prática anti-truste, entre outras, estão diretamente relacionadas com as vendas e marketing de plataformas de e-books.

A IBM, já foi citada com a possibilidade de manipulação de mercado diretamente com os seus concorrentes de mainframe software-concorrentes na região.

São as acusações por parte dos investidores algo da UE ou potenciais investidores que se preocupam? Sim e Não. Para os investidores que procuram adquirir uma posição de longo prazo no Google, isso não é algo realmente preocupa. Mas a empresa tem fundamentos fantásticos, um dos portfólios mais completos quando comparado a seus pares no setor, e tem o mais lucro melhor que o esperado em três dos últimos quatro trimestres.

 

Patentes registradas do óculos Google

18 Mai

Nesta semana o Google registrou três patentes junto ao escritório americano de patentes USPTO (United States Pattents and Trademark Office), chamadas de”wearable display device”, tradução um dispositivo eletrônico para “ vestir”, elas são chamadas de: D659,739, D659,740 e D659,741, que foram publicadas oficialmente na última terça-feira.

Apesar das patentes e das aparições de Sergey Brin e Vic Gundotra com os óculos, e muita gente da imprensa blogueira declarar que até o final do ano ele estará a venda, um Sergey Brin declarou ao Mashable que esse cenário “é extremamente improvável”.

Alguns dos protótipos já estão sendo testados por executivos da Google, incluindo o co-fundador Sergey Brin e Vic Gundotra que é vice-presidente de engenharia para produtos móveis. Eles já apareceram em público usando o aparelho, ainda em testes, e suas fotos causaram euforia na internet.

Em abril, a Google publicou um vídeo mostrando o que seria o ângulo de visão de um usuário dos óculos que eram equipados com um sistema operacional parecido ao Android, microfone, câmera fotográfica e uma tela transparente sobre o olho direito, mas pelas proporções tudo terá que ser pequeno e leve.

Os óculos aplicavam sobre a imagem real, usando realidade aumentada, informações sobre o local, clima, horário e permitia ao usuário se comunicar com outros usuários de serviços Google, tais como fazer chamada, ouvir música ou tirar fotos.

 

O óculos conceitual da Google, é real ?

17 Mai

Muita gente está tentando entender o projeto, os vídeos que tem sobre o assunto, há muito comentário na Web, como da Tech News, afirmando que são apenas montagens.

O que ele tenta explorar é aquilo que já existe em torno da realidade aumentada, em entrevista do chefe da equipe Google+ Vic Gundotra não disse muita coisa, já um fundador do Google Lab, Sebastian Thrun disse em entrevista que tudo isto ainda é “a borda de um guarda-chuva de tudo que poderá ser” os óculos Google.

Outros dizem que “ainda é muito cedo para saber quais as funções esta interface do usuário terá”, mas ela terá “interações simples que tornarão mais animados o que as pessoas fazem”, como compartilhamento de fotos, ligar para alguém com vídeo, ver a previsão do tempo e possibilidades de chuvas e coisas semelhantes.

“Ainda é muito cedo para saber quais são as funções e interface do usuário será:” Disseram-me, mas aparentemente é as “simples interações que as pessoas fazem torná-las mais animadas.”

As opções incluem o compartilhamento de fotos, videos e imagens, ligar para as pessoas e outras coisas simples, mas conceitualmente já há uma nova forma de comunicação mais direta e mais intuitiva do que as telas de toque e os “antiquíssimos teclados”, o acionamento por voz e coisas mais intuitivas estão aí.