RSS
 

Arquivo para julho, 2012

Windows Phone cresce na europa

31 Jul

O Windows 8 para tablets (incluindo o Surface da própria Microsoft), notebooks e PCs ficará ainda para setembro ou outubro, mas ele já ganha mercado no recente crescimento mostrado para o Windows Phone, conforme mostra o StatCounter, que mostrou um aumento de 23,5 % da quota do mercado europeu, embora isto significa apenas 1,68% do mercado global.

Claro que isto é muito atrás do IOS da Apple, Android e até mesmo o Symbian da Nokia, mas esta mudança na conta de mercado ainda que pequena mostra que há algumas mudanças no mercado entre eles também o significativo aumento das contas do Symbian, incrementados pelo vendo dos aparelhos Lumia 610 e 900 em toda a europa.

O Windows Phone, registrou o site CounterStat, cresceu em mercados exigentes, como por exemplo, 66 por cento em Itália, 29 por cento em França, 27 por cento na Alemanha, e 18 por cento no crescimento do Reino Unido em os EUA ficou em 18,6 por cento.

Parece que o retardo no lançamento do Windows 8 não é apenas uma questão técnica ou política, mas uma questão de mercado, espera-se com a fatia dos celulares alavancar também o mercado dos tablets (o Surface da Microsft chegará junto ao novo lançamento).

 

A tecnologia nas olimpíadas

31 Jul

A maioria dos jornais ingleses, como a BBC, comemoram os dados tecnológicos da Olimpíada, segundo dados da Vodafone (a maior européia), foram contabilizadas a transferência de quase 400.000 fotos (ou dados equivalentes, não é possível diferenciar) durante a cerimônia olímpica o que significa 5 fotos por espectador presente no estádio, já que eram 80 mil pessoas.

As previsões eram que seria uma noite movimentada, mas não excepcional para as redes móveis, a Vodafone afirmou que e o volume de dados cresceu de 5% sobre a semana anterior, o volume de chamadas e textos (chats e outros) também. 27 milhões assistindo a toda a cerimônia de abertura na televisão, a diferença em relação a nós é que lá a maioria usava a banda larga em casa ao invés de celulares ou TVs abertas, aqui só um canal transmitiu.

Na cerimônia de abertura a tecnologia foi presente e bem inserida, não atrapalhou a presença das pessoas.

Mas eles não ficaram sem problemas tecnológicos, no sábado, no sudoeste de Londres e Surrey, as pessoas que seguiam o ciclismo pela estrada e faziam uso constante dos dados (talvez também os dados técnicos para as equipes do ciclismo) o uso constante de Facebook e Twitter foi acusado alguns problemas de intermitências, e também no estado de Wembley onde jogou a seleção olímpica inglesa (as brasileiras jogam hoje), teve problema no pagamento de ingressos pelo Visa, mas a alegação é que estavam testando um pagamento “inédito” via celular.

Outra coisa curiosa foi a presença de Tim-Berners Lee, que mandou uma mensagem para todo o mundo “Esta é para todos” que também apareceu nos telões, mas a mensagem foi enviada via Twitter e houve comentarista que perguntou quem era.

 

Software Livre pode avançar no país

30 Jul

É o que pensa o coordenador da Associação Software Livre.Org (ASL), Ricardo Fritsch, para quem as empresas nacionais devem ter incentivos para produzir software livres, que declarou no 13º. Fórum Internacional de software Livre (fisl13), que se realizou em Porto Alegre de quinta-feira a sábado da semana passada.

Conforme afirmou Fritsch, integrante do comitê organizador do FISL13: “atualmente o Brasil paga para outros países royalties de forma desnecessária”, disse no fórum que contou com mais de 8 mil participantes.

Fritsch defendeu a criação de política governamental para financiamentos de pequenas e médias empresas de tecnologia de informação, que também afirmou que leis e propostas públicas podem também incentivar o uso de software livre.

Ao compartilhar os códigos livres, que toda empresa pode usar sem ter que pagar para uso, as empresas viabilizam e dão visibilidade aos negócios, Fritsch citou o exemplo do Portal do Software Público Brasileiro, criado em 2007 para compartilhar programas de interesse público que já ajudou inúmeras empresas a prestarem serviços e fazerem novos sócios.

 

Como é a telefonia nas olimpíadas

28 Jul

Parece que funciona, ao invés de passar a bola para alguém, punir companhias, o governo inglês procurou o cara certo, que não vai apenas garantir os serviços, mas medir e testar para ter como prevenir futuros blecautes, problemas de volume de transmissões e outros que possam ocorrer, este cara é um veterano das telecomunicações inglesa chamado David Cleevely.

Disse ele sobre o evento ao BBC News: “Pense próxima sexta-feira, quando o atletismo começar, quando o remo, do ciclismo e da natação ainda estão em andamento, e as pessoas estão se comunicando de todos os tipos de locais de uma só vez.” permanecendo calma e confiante afirmou: “Estamos tão preparados quanto podemos ser.”, será que poderemos dizer o mesmo em 2016.

Sua empresa, a Cambridge Radio Frequency Serviços instalou equipamento de monitoramento em um número de casas em toda a área de Londres, com o território das olimpíadas incluído, para ver o que acontecia com as redes móveis ao longo de um período de seis meses, com certeza prevendo um fluxo bem maior.

Mesmo assim ele pensa que haverá algumas dificuldades na obtenção de textos e imagens para fora do Parque Olímpico, na noite de ontem, por exemplo, com a concentração de fluxo, pode ter havido alguma dificuldade, mas até mesmo nisto uma torre especial foi pensada.
Mas a pergunta que ficará para depois é: se as redes podem fazer isto nas olimpíadas porque não poderiam fazer o tempo todo e garantir um serviço ainda melhor

 

Abertura veja ao vivo

27 Jul

Haverá diversas transmissões, uma delas com três níveis de definição (controle no canto esquerdo inferior) é a da Terra, mas um conjunto de sites para acompanhar o mundo girando em Londres nestes dias pode ser encontrada no site: London2012/Live Sites.

 

Abertura das Olimpíadas 2012

27 Jul

Em 6 de abril de 1896, idealizado por Charles Freddye Pierre, chamado Barão de Coubertin, realizou-se os primeiros jogos olímpicos da era moderna, cujo ideal era a educação pelo esporte, paralisado somente em 1944 por causa da II Guerra, tiveram aberturas sempre apoteóticas e extraordinárias.

O diário britânico Telegraph afirmou que Danny Boyle, chefe de cerimônia dos XXX Jogos Olimpícos de Londres2012, ficou entusiasmado ao ver o ensaio da cerimônia de abertura: “Foi de cair o queixo” (veio de lá a expressão), e também “incrível, eu não sabia para onde olhar”, e de um dos participantes da cerimônia: “Esplendidamente britânico e magnificamente maluco”, e acrescentou: “Se você tem planos de sexta à noite, pode cancelá-los”.

Mas um pacto entre os figurantes , a pedido de Boyle, manteve o segredo antes do show.

Coisas britânicas tradicionais, como Beatles, Harry Porter, James Bond que parece abrirá os jogos (segundo o Daily Beast ele será estrelado por Daniel Craig de 007 – Operação Skyfall), e é claro haverá um passeio pela revolução industrial que da Inglaterra foi para todo o mundo.

O último ensaio foi feito na noite de quarta-feira, e a cerimônia começa logo depois do Big Ben tocar por 3 minutos ininterruptos, como manda a tradição britânica as 17h em ponto (horário do Brasil) e 21 h no horário britânico, pode acertar seu relógio, eles não erram.

 

Apple obtém patente de tecnologia 5D

26 Jul

A Apple obteve nesta terça-feira uma patente, desenvolvida pelo inventor Timothy Pryor, de tecnologia relacionada a TVs 5D que incluem uso de luvas (gloves, captura de movimentos das mãos), capacete de realidade virtual (movimento da cabeça e dos olhos), com aplicações para vídeo conferências, tecnologias avançadas de reorientação tátil, e assinatura de toque (movimento único das mãos) que poderia por exemplo dar partida em um carro.

Como em outras tecnologias, esta lembra o filme “Minority Report” com Tom Cruise.

A notícia, anunciada no site inglês da Mac World, usa expressões como “extraordinária” TV 5D, além de “louco” e “selvagem“, para descrever o produto patenteado.

Os trabalhos de Timothy Prior, foram pela primeira vez relacionados em um relatório de dezembro de 2011, sobre dispositivos “iDevices futuros de controles não-visuais”, mas que previa apenas “controles de utensílios de cozinha e casa” embora também falasse de painéis de veículos, a inclusão e extensão do dispositivo para TVs é por conta da Apple.

O registro recebeu o número de patente US 8.288.305 B2, datado de 24 de julho de 2012.

 

Primeiro biocomputador feito em Stanford

25 Jul

Conforme notícia no jornal da Universidade de Stanford, uma equipe liderada pelo prof. Markus Covert, professor assistente de bioengenharia, utilizando dados de mais de 900 trabalhos científicos, conseguiram explicar toda interação molecular que ocorre no ciclo de vida da Mycoplasma genitalium, uma das menores bactérias conhecidas.

Embora existam muitos problemas, como por exemplo, a compreensão da interação entre genes, outro prof. Diretor do Instituto Nacional de Saúde, James M. Anderson afirmou que “esta conquista demonstra uma transformação na abordagem para responder questões sobre os processos biológicos fundamentais”, porque os “modelos de computadores mais abrangentes de células inteiras têm o potencial de fazer avançar nossa compreensão sobre a fundação celular e, em última instância, pode informar sobre novas abordagens no diagnóstico e tratamento de doenças”.

A diferença da abordagem é explicada por um estudante co-autor do artigo sobre a descoberta, Jayodita Sanghvi, explicando que muitos problemas podem estar na interação de milhares de genes e não em um único gene como se imaginam em muitas abordagens, mas agora deve-se “trazer todos esses dados em um único lugar e ver como ele se encaixa”, referindo-se a interação de diversos genes.

O artigo “The Dawn of Virtual Cell Biology”, foi publicado na revista Cell, e tem a seguinte lista de autores: Jonathan R. Karr, Jayodita C. Sanghvi, Derek N. Macklin, Miriam V. Gutschow, Jared M. Jacobs, Benjamin Bolival, Nacyra Assad-Garcia, John I. Glass e Markus W. Covert .

 

Tuenti: uma nova rede social?

24 Jul

Desde ontem está disponível para usuários de todo mundo a rede Tuenti, com foco na privacidade e mobilidade, em especial o primeiro ponto é muito forte, converse com todo mundo mas compartilhe apenas com os amigos parece ser o modelo da nova rede.

O que circula no Tuenti não pretende ser indexado em buscadores, segundo destacou Sebatián Muriel, vice-presidente do desenvolvimento corporativo, uma das garantias de privacidade.

O serviço de mensagens é global, multiplataforma e compatível com Androids, BlackBerry, iPhones e Windows Phone, e já partiu com seus 14 milhões de usuários registrados e espera chegar aos 25 milhões no primeiro ano, pouco mas significa um crescimento de 100% em um semestre, se o ritmo se mantém 200% ao ano, significa 100 milhões no segundo ano, ou seja, já 1/8 do Facebook, nada mal, mas é melhor esperar para ver.

A rede social já existia desde 2006, era muito popular na Espanha, os jovens usam para compartilhar vídeos e imagens, e a palavra vem do twenty em inglês, alguem com 20 anos, mas também é uma brincadeira com “tu” en “ti” que significa uma necessidade de relacionamento.

 

Anatel acorda e exige melhorias

23 Jul

Parece que graças as punições no Rio Grande do Sul e as eleições, os precários serviços de telefonia móvel no Brasil são aos poucos acordados para novos planos e investimentos que garantam qualidade mínima de operação, há até ameaça de punições, TIM, Claro e Oi foram chamadas para conversas.

Mas o próprio superintendente de serviços da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Bruno Ramos reconheceu que não há um plano completo de melhoria da qualidade de serviços, disse em coletiva à imprensa.

Espera-se para o dia de hoje que Tim e Claro apresentem a primeira versão de um plano de melhorias que evite punições, que incluiria a proibição de vendas de novos planos em alguns estados, desde que não seja apresentado um plano de investimentos.

No início desta semana TIM e Claro devem apresentar um plano para suspender as punições, mas a conversa com a Oi foi mais amena, segundo o próprio superintendente o contato de sexta-feira passada: “Mostra que a empresa está interessada em cumprir o alinhamento de qualidade que a Anatel exige”, mostrando no mínimo um caráter dúbio desta “negociação”.

O que os brasileiros esperam é que os caros serviços tenham um mínimo de qualidade.